Vale do Ivinhema Agora
Política Região

Agehova dá início a trabalho social do Condomínio Bom Menino

Assembleia de instalação dos condomínios antecede a vistoria, assinatura dos contratos e entrega das chaves aos contemplados pelos 128 apartamentos do “Bom Menino”

 

Glaucia Piovesan – Cogecom, 

Nesta sexta-feira (15), foi iniciado o plano de trabalho social junto aos futuros moradores dos Condomínios Residenciais Zulmira Cesar de Oliveira e Maria Augusta Ferreira de Oliveira, popularmente conhecido como Condomínio “Bom Menino”.

Para tanto, todas as famílias contempladas foram convocadas a participar de uma assembleia geral com a finalidade de formalizar a instalação dos condomínios para regularização em cartório. Na oportunidade, foi realizada a eleição das diretorias composta por síndico e conselho consultivo (três membros efetivos e subsíndico), discussão e aprovação do valor da taxa de implantação dos condomínios e a definição do prazo para o pagamento da taxa dos condomínios.

Esta etapa antecede a vistoria, assinatura dos contratos e entrega das chaves das unidades habitacionais aos novos condôminos.

Cb image default
Foto: João Claudio

A empresa de consultoria Societas será a responsável pela condução deste plano de trabalho social, que é item obrigatório nos empreendimentos do Programa Minha Casa, Minha Vida. O objetivo é a criação de mecanismos capazes de viabilizar a participação dos beneficiários nos processos de decisão, implantação e manutenção dos bens e serviços, a fim de adequá-los às necessidades e a realidade dos grupos sociais atendidos, bem como consolidar a gestão participativa dos condomínios.

Cb image default
Foto: João Claudio

A equipe contratada organizou os trabalhos nesta primeira assembleia. A Caixa Econômica Federal também esteve representada e de todos os servidores da Agehnova acompanharam a assembleia.

Cb image default
Foto: João Claudio

“Durante um ano vamos auxiliar na gestão do empreendimento, através da realização de reuniões, palestras temáticas, entrevistas, dinâmicas de grupos, oficinas e outras atividades socioeducativas para facilitar a organização comunitária no tocante a questões como meio ambiente, saúde, geração de renda, educação sanitária e gestão condominial”, explica Leiner Terruya.

Cb image default
Foto: João Claudio

De acordo com o diretor presidente da Agehnova, Luciano Leal, a adesão das famílias foi muito positiva. “O auditório estava cheio. As famílias estão interessadas e ansiosas para começar vida nova na nova moradia. A Prefeitura segue cumprindo todas as legislações vigentes, ponto de controle, trabalho social, relacionamento com a Caixa, enfim, todas as etapas previstas no prazo estabelecidos”, relatou.

Para que os trabalhos avancem até a inauguração do empreendimento e entrega de chaves às famílias é necessário finalizar dos tramites entre Caixa e Construtora, para legalizar junto aos órgãos instituídos.

Diretoria eleita

Condomínio Residencial Zulmira Cesar de Oliveira

Síndica – Angelita Rodrigues de Brito

Subsíndica – Sandra da Silva Azevedo

Presidente do Conselho – Ainath de Faria Conegudes

Vice-presidente do Conselho – Nadir Azevedo Sirqueira.

Secretário – Antenor Barrios Junior

Valor da taxa de implantação do condomínio – R$ 100,00

Condomínio Residencial Maria Augusta Ferreira de Oliveira

Síndico – Matheus da Silva

Subsíndico – Welison Vitor Ventura Queroz

Presidente do Conselho – Jocimara Nunes Monteiro

Vice-presidente do Conselho – Ana Paula Mendes

Secretário – Sandy Ferreira Soares

Valor da taxa de implantação do condomínio – R$ 100,00

Related posts

Polícia Militar apreende motocicleta adulterada em Nova Andradina

Anaurelino Ramos

Nova Andradina abre campanha ‘16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência Contra as Mulheres’

Anaurelino Ramos

Bebê perde a perna após colisão entre carreta e carro na MS-306

Anaurelino Ramos

Deixe um Comentário