Vale do Ivinhema Agora
Polícia Região

Morador plantava maconha em meio a horta caseira

Polícia Civil de Anastácio descobriu plantação da droga entre hortaliças

 

No final da tarde desta segunda-feira (14), a Policia Civil, através do Setor de Investigações Gerais da Delegacia de Anastácio (MS), recebeu denúncia anônima da venda de droga em uma casa da Rua Acogo. No interior da residência, os investigadores descobriram uma plantação com mais de 55 pés de maconha em meios às hortaliças.

Os policiais realizaram diligências e monitoraram o local suspeito, até identificar um homem 22 anos que saiu da casa após adquirir uma porção de maconha. Em seguida, os policiais entraram no local e abordaram dois moradores que confessaram a venda do entorpecente, mas apontaram um homem de 28 anos como o responsável pela mercância da droga. O suspeito não estava no local.

Durante as buscas, os investigadores encontraram um pote na geladeira contendo 60g de maconha, um outro recipiente em cima do armário da despensa contendo mais 30g de maconha e uma balança de precisão. Já no fundo da casa, era mantida uma horta com vários pés de maconha – aproximadamente 55 – dissimulados em meio às hortaliças, além de mudas da mesma droga prontas para o plantio.

Enquanto os policiais civis estavam na casa, outros usuários compareceram no local e foram encaminhados para a delegacia para esclarecimento e liberados em seguida. Todas as testemunhas confirmaram o tráfico de drogas no local e apontaram o homem de 28 anos como o responsável pela comercialização e plantio da droga.

A Polícia Civil de Anastácio, com o apoio de policiais civis do SIG de Aquidauana, realizaram diligências até localizar o suspeito. O homem foi autuado em flagrante pelo crime de tráfico de drogas.

 

Publicado por: lspereira@sejusp

Related posts

Municípios da região confirmam 11 casos de covid nesta segunda

Anaurelino Ramos

Incêndio devasta sítios e queima mais de 200 hectares em Paranaíba

Anaurelino Ramos

Ex-marido sequestrada mulher e filho e leva a força para o MT

Anaurelino Ramos

Deixe um Comentário